IDAM promove curso de “Meliponicultura” para agricultores familiares de São Paulo de Olivença – IDAM

IDAM promove curso de “Meliponicultura” para agricultores familiares de São Paulo de Olivença

Agricultores familiares das comunidades de Campo Alegre e Santa Rita Well do município de São Paulo de Olivença, a 1,235 quilômetros de Manaus, participaram do curso de “Meliponicultura”, promovido pelo Instituto de Desenvolvimento Agropecuário e Florestal Sustentável do Estado do Amazonas (IDAM), em parceria com a Secretária Municipal de Produção e Abastecimento (Sempa), e o apoio da prefeitura de São Paulo de Olivença.

Durante o período de dois dias de atividades, os 25 agricultores participantes do curso, receberam orientações sobre a importância das abelhas nativas, estrutura, população e divisão da colônia, tipos de manejo, formação de postagem, exercício de levantamento de florada da região, meliponário e locais adequados para sua instalação, e a confecção de caixa racional para abelhas nativas sem ferrão.

Segundo a gerente da unidade local do IDAM de São Paulo de Olivença, Maria Mendonça, o objetivo do curso foi alcançado. “Foram beneficiados principalmente os agricultores que tinham em suas propriedades os cortiços com as abelhas, esse curso proporcionou um aprendizado sobre todas as etapas da criação de abelhas nativas sem ferrão, esses agricultores terão mais uma fonte de renda, dessa forma melhorando a qualidade de vida no campo”, afirmou Maria.

No decorrer do curso foi feita a Demonstração de Métodos, sobre a instalação de meliponário de abelha, transferência de colônias e a construção de caixa racional. Quem ministrou a demonstração foi o Técnico Florestal, Jonas Cícero, da unidade local do IDAM do município de Amaturá.

Um dos participantes do curso, o agricultor Carlos Lopes da comunidade Campo Alegre, que já trabalha com as culturas da Mandioca e Abacaxi, após o curso se demostrou bastante otimista e pretende iniciar a criação de abelhas sem ferrão. “Foi de extrema importância, pois aprendemos na prática todo o processo de criação de abelhas nativas sem ferrão, sem dúvida será mais uma fonte de renda para minha família”, disse Carlos.